Criminosos roubaram carga de celulares que seria entregue no depósito da Lojas Cem, em Salto (SP) (Foto: Reprodução/Google Earth)Criminosos roubaram carga de celulares que seria entregue no depósito da Lojas Cem, em Salto (SP) (Foto: Reprodução/Google Earth)

A polícia procura pelos criminosos que roubaram uma carga de celulares avaliada em mais de R$ 1 milhão na quinta-feira (10), em Salto (SP). De acordo com informações do boletim de ocorrência, o motorista relatou que foi feito refém pelos criminosos enquanto entregava a mercadoria no depósito de uma loja de departamentos às margens da rodovia SP-075.

Foram levados 1.775 celulares que seriam entregues no depósito da Lojas Cem. A empresa afirmou que não vai comentar o roubo.

saiba mais

O motorista disse à polícia que pegou a carga de celulares na fábrica da LG, em Taubaté, para levá-la até Salto. Ele alega que era, inclusive, escoltado por uma empresa de escoltas e que não encontrou nada de anormal ao entrar no galpão, localizado no km 46 da rodovia.

O motorista relata que entrou no local, estacionou o veículo e saiu para comer. Quando voltou, meia hora depois, havia outro veículo identificado como escolta armada, com quatro pessoas dentro. Ele foi rendido pelos criminosos, que estavam armados e usavam coletes à prova de balas.

O motorista foi obrigado a entrar no caminhão e foi levado até uma estrada de terra na altura do km 44 da rodovia. Lá eles transferiram a carga para outro caminhão, trancaram o motorista dentro do baú e fugiram.

O motorista conseguiu abrir a porta tempos depois e acionou a PM. Na delegacia onde registrou a ocorrência, ele afirmou que não poderia reconhecer nenhum suspeito do crime, já que ficou o tempo todo com a cabeça baixa. O caso foi registrado e será investigado pela Polícia Civil de Salto. A PM fez buscas por suspeitos, mas ninguém foi preso até a manhã desta sexta-feira (11).

Artigos relacionados
Carregar mais por admin
Carregar mais em Entretenimento

Deixe uma resposta

Leia também

Confira as manchetes deste sábado, 25 de maio de 2019

Bom dia! Nossa coluna está de volta ao ar. Todos os dias, de segunda a sábado, às 05h30, c…