Vacina Covid — Foto: Reprodução

As cidades das regiões de Sorocaba e de Jundiaí (SP) começaram a se preparar para a campanha de vacinação contra a Covid-19. Cada órgão municipal deve definir a logística e a quantidade de insumos necessários para abranger os moradores que pertencem ao primeiro grupo da campanha.

Região de Sorocaba

A Prefeitura de São Roque (SP) informou que disponibilizará kits com máscaras, luvas, seringas, agulhas e um curativo para ser colocado após a aplicação. A cada paciente um novo kit será aberto. A medida será tomada para proteger os profissionais de saúde e para os pacientes.

Em Salto (SP), quatro câmaras de refrigeração para guardar a manter as doses da vacina já estão instaladas. No caso de insumos cedidos pelo estado, como seringas e agulhas não chegarem a tempo, a prefeitura informou que irá providenciá-los.

Já o poder público de Sorocaba (SP) informou que a previsão de chegada dos insumos é até o dia 15 de janeiro, próxima sexta-feira. Também disse que serão recebidas cerca de 1 milhão de seringas e 600 mil agulhas.

Região de Jundiaí

Em Jundiaí (SP) já começaram a ser definidos os locais onde será realizada a vacinação da população durante a primeira fase da campanha. Um deles será o Parque da Uva no sistema de drive-thru, segundo a prefeitura.

No total serão 28 pontos distribuídos fora de Unidades Básicas de Saúde como, por exemplo, centros esportivos e igrejas. A medida foi adotada para evitar aglomerações.

A cidade possui autonomia e capacidade para armazenar cerca de 150 mil doses que, segundo a prefeitura, são suficientes para imunizar todas as 80 mil pessoas que pertencem ao grupo da primeira fase. Além disso, o poder público informou que o município possui mais de 500 mil seringas disponíveis.

A cidade de Itupeva (SP) informou que já possui os insumos necessários e que está aguardando o Plano Nacional e Estadual de Vacinação. Também disse que o município está preparado com geladeiras em todas as unidades de saúde.

Já em Jarinu (SP), a prefeitura informou que já formou uma comissão específica para tratar do tema. A logística para a vacinação também já está preparada e o município aguarda a autorização de uso da vacina.

Campo Limpo Paulista (SP) disse que também já está preparada e que tem capacidade para vacinar os munícipes. Em parceria com o Governo do Estado, a cidade ampliou a rede de armazenamento de imunobiológicos.

Para a vacinação há, inicialmente, quatro pontos fixos e mais três pontos estratégicos em drive-thru.

Já prefeitura de Itatiba (SP) informou que todos os detalhes sobre a vacinação no município serão passadas durante uma coletiva na tarde desta sexta (8).

Em Cabreúva (SP), as autoridades trabalham em um estudo sobre a logística da campanha e na próxima segunda (11), será realizada uma reunião com o Comitê de Enfrentamento contra a Covid-19 para definir um plano.

A cidade de Várzea Paulista (SP) não informou as ações e preparativos para a vacinação.

CORONAVÍRUS

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Notícias

Deixe uma resposta

Leia também

Salto e Porto Feliz anunciam locais para vacinação e pré-agendamento

As cidades de Salto e Porto Feliz deram as primeiras informações sobre as vacinações nos m…