Por Tetsushi Kajimoto e Daniel Leussink

TÓQUIO (Reuters) – As exportações do Japão subiram à maior taxa desde 2010 em abril, enquanto os gastos de capital aumentaram com a maior demanda global por carros e eletrônicos, elevando as esperanças de que uma melhora no comércio possa ajudar a levar a terceira maior economia do mundo de volta ao caminho do crescimento.

Embora as exportações e importações mais fortes sejam parcialmente resultado de efeitos de base favoráveis após uma grande queda no comércio observada um ano antes, a demanda real também está se recuperando.

As exportações japonesas dispararam 38,0% em abril em relação ao mesmo período do ano anterior, mostraram dados oficiais nesta quinta-feira, em comparação com um salto de 30,9%previsto por economistas e após ganho de 16,1% em março.

Esse foi o salto mais acentuado desde abril de 2010, liderado pelos embarques de carros e peças para os Estados Unidos e pela demanda chinesa por equipamentos para fabricação de chips.

tagreuters.com2021binary_LYNXNPEH4J0O2-BASEIMAGE

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia também

Governo anuncia R$ 26 milhões em investimentos para Indaiatuba e região

O Vice-Governador e Secretário de Governo Rodrigo Garcia anunciou nesta quinta-feira (24),…