O ex-presidente Lula afirmou em um programa de debates que se arrependeu de ter defendido o ex-terrorista Cesare Battisti. No último dia de seu mandato, o petista concedeu asilo ao italiano, que foi preso na Bolívia em janeiro de 2019 e extraditado para a Itália, onde cumpre prisão perpétua. “Hoje, acho que, assim como eu, todo mundo da esquerda brasileira que de…

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Notícias

Deixe uma resposta

Leia também

Vereador mais votado, Thiago Gonçales traça planos para o futuro

Foto: André Roedel Thiago Gonçales (PL), também conhecido como Adautinho, foi o candidato …