Na primeira quinzena de março, os dez oficiais-alunos do Curso de Aperfeiçoamento de Aviação para Oficiais realizaram a instrução de salto de emergência, na Academia da Força Aérea Brasileira (FAB), em Pirassununga-SP. Após uma semana de treinamento intenso, os militares realizaram um salto enganchado de paraquedas, a partir da aeronave C-105, “Amazonas”, da FAB.

Coordenados pelos militares instrutores do Esquadrão Aeroterrestre de Salvamento, conhecido como PARA-SAR, sediado na ALA-5, em Campo Grande-MS, a instrução e o salto têm o objetivo de preparar os futuros aviadores para o abandono de uma aeronave em situação de risco.

A instrução é pré-requisito para a realização do Estágio Primário de Aviação (EPAv), onde quatro dos oficiais-alunos realizarão voo na aeronave T-25 “Universal”, no 2º Esquadrão de Instrução Aérea.

Dentre os quatro que realizarão o EPAv, dois serão selecionados para o Estágio Básico de Asa Fixa, na aeronave T-27, “Tucano”, visando à continuidade na formação de aviadores navais habilitados em asa fixa. O adestramento contribuiu, ainda, para o aumento da interoperabilidade entre militares da Marinha do Brasil e da Força Aérea Brasileira.

Preparação para o salto enganchado de paraquedas na aeronave C-105, “Amazonas”, da FAB

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Notícias

Deixe uma resposta

Leia também

Aves são achadas congeladas em freezer de criadouro particular em Salto

Um homem de 42 anos foi preso em flagrante na última quinta-feira (29) por manter animais …