Número de casos de Covid cresce quase 40% nas cidades da região de Sorocaba em uma semana — Foto: Geraldo Jr./G1

Um levantamento feito pela Secretaria Estadual da Saúde mostra que os dados recentes da situação da pandemia na Diretoria Regional de Saúde (DRS) de Sorocaba (SP), que abrange 47 cidades, voltaram a crescer.

Considerando todos os municípios, o número de casos já passou de 190 mil. O aumento em uma semana foi de 30,9%.

Gráficos mostram a aceleração da pandemia, com curva crescente no número de casos. A curva que indica as mortes por Covid é ainda mais expressiva: o número dobrou em pouco mais de dois meses e já passou de 5.500.

Além de trazer informações de todas as regiões do estado diariamente, o boletim epidemiológico traz também os números de cada cidade. Em Sorocaba, o número de casos aumentou 26,6% em apenas uma semana.

A alta nos números de casos e mortes indica uma tendência de aumento nas taxas de ocupação de leitos de enfermaria e UTI na região.

Nesta sexta-feira (4), 38 pacientes moradores de Sorocaba, já atendidos em unidades de urgência e emergência da cidade, aguardam encaminhamento para leitos de Covid-19, sendo 14 de enfermaria e 24 de UTI.

Há ainda sete pacientes de outras cidades (Votorantim, Araçoiaba da Serra, Itu, Boituva, Iperó, Salto e São Miguel Arcanjo), já atendidos nas unidades de urgência e emergência de Sorocaba, que aguardam esse encaminhamento via estado, sendo quatro de enfermaria e três de UTI.

Importância da vacinação

Para o pesquisador da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) Luiz Carlos Dias, que faz parte da Sociedade Brasileira de Ciência, a pandemia atingiu um platô e se estabilizou, mas não chegou a ter uma redução expressiva, e agora voltou a piorar em todo o estado.

Ele diz que, enquanto a vacinação em massa não for feita, a população vai ter que conviver com momentos de melhora e piora da pandemia.

“A população precisa entender o seguinte: para nós sairmos da pandemia, nós precisamos de vacinação em massa, rápida, com as duas doses, independente de qual vacina, todas são fundamentais nesse momento, e a manutenção das medidas não farmacológicas, que são os hábitos de higiene das mãos, o uso de máscaras, o distanciamento físico como medidas de restrição do movimento. Só o conjunto dessas medidas aplicado ao mesmo tempo é que vai nos auxiliar a combater o vírus, a vencer essa pandemia”, explica.

O médico Murilo Wady Gimenez, que coordena dois centros de atendimento a pacientes com Covid na capital, diz que o numero de internações em leitos de enfermaria e UTI triplicou nos últimos dias. Para ele, este aumento tem a ver com o relaxamento das medidas de prevenção.

“Precisamos salientar que a vacina é um advento para poder dar uma qualidade de vida e poder sanar essa doença a médio e longo prazo, não a curto prazo. Então, o distanciamento social, o uso de máscaras hoje ainda é primordial. Nós não podemos abrir mão desses artifícios.”

Os especialistas orientam: mesmo quem tomou as duas doses da vacina não está protegido 100% e precisa manter os cuidados, porque o vírus segue circulando. Já quem tomou apenas uma dose corre risco de contrair a forma grave da doença. Por isso, é preciso manter os cuidados até que a vacina chegue para a maioria da população.

“O uso de máscaras deve ser preconizado, assim sob total cuidado possível, e isso infelizmente está acarretando um descaso e o reflexo está surgindo agora”, continua Murilo.

“Enquanto 70, 80% da população não estiverem vacinadas, infelizmente nós ainda não estamos seguros. As vacinas garantem um grau de proteção individual, principalmente após a segunda dose, mas o conceito de vacinação, para que ele seja realmente efetivo, depende que a maior parte da população esteja vacinada. Consequentemente, mesmo aquelas pessoas que não puderem se vacinar por razões médicas, elas vão estar protegidas”, completa Luiz Carlos.

VÍDEOS: veja as reportagens do Bom Dia Cidade e do TEM Notícias

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia também

Governo anuncia R$ 26 milhões em investimentos para Indaiatuba e região

O Vice-Governador e Secretário de Governo Rodrigo Garcia anunciou nesta quinta-feira (24),…