Ações de segurança fazem parte do Plano de Contingência para a cidade de Salto

A Prefeitura de Salto deu início à implementação do Plano de Ação Emergencial de barragens, com instalação de placas informativas em diversos pontos do município, como no Parque de Lavras, do Lago, Rocha Moutonnée, Pavilhão das Artes e bairros que beiram o Rio Tietê.
O Plano emergencial atende a Lei Federal nº12.334/2010 e visa orientar os munícipes que residem próximo às áreas de risco de inundação, à exemplo do Rio Tietê, em caso de rompimento das barragens localizadas em Porto Góes e em Pirapora de Bom Jesus.
As placas informam números de telefone para pedir ajuda, além de orientações sobre como proceder caso haja rompimento das barragens e indica local de abrigo. Conforme estudado e planejado, a cidade de Salto definiu que o Ginásio de Esportes “João Sebastião Ferraro” tem estrutura emergencial para acolher os desabrigados. Ao total serão instaladas 50 placas, sendo 25 de pontos de encontro e 25 de alerta. Todas as placas foram fornecidas pela Empresa Metropolitana de Águas e Energia (Emae).
Ainda seguindo as normas do Plano de Ação Emergencial, haverá a instalação de sirene de emergência em pontos estratégicos do município e os setores de segurança municipal, como Defesa Civil e o Corpo de Bombeiros passarão por um simulado para treinamento em breve.
Importante ressaltar que no momento, as barragens não apresentam risco de rompimento.

Compartilhe esta notícia:





Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Notícias

Deixe uma resposta

Leia também

Prefeito Geraldo Garcia realiza vistoria nas obras de pavimentação

Com início na última semana, as obras de pavimentação de 28 ruas da cidade seguem sendo re…