blogdonelsonlisboa
Treinamento tem sido constante

A direção do Hospital e Maternidade Municipal Nossa Senhora do Monte Serrat está orientando a equipe da unidade e traçando estratégias para o enfrentamento do coronavírus.

O planejamento para o acolhimento de pacientes com suspeita da doença atenderá a um fluxograma elaborado para recepção do enfermo e seus cuidados, além da precaução da não transmissibilidade do vírus em ambiente hospitalar.
Os infectologistas da unidade hospitalar, plantonistas, equipe de enfermagem e demais colaboradores estão preparados e atentos ao COVID-19, mesmo não tendo nenhum caso no Hospital e Maternidade Municipal Nossa Senhora do Monte Serrat.
A infectologista Virgínia Rodrigues Felizolla reforça que pacientes com casos simples de resfriados e sem os sintomas do COVID-19 não devem procurar o hospital.

“Com essa atitude, evita-se, assim, a aglomeração de pessoas e os leitos ficam disponíveis para pacientes em estado grave. Os pacientes com quadro moderado ou grave serão internados na unidade para tratamento e permanecerão isolados para que se evite o risco de contágio”, assegurou.
A equipe do hospital, além de ter as medidas de prevenção racionais de prevenção contra o COVID-19, orienta como evitar a transmissão e o contágio.

São medidas como: lavagem das mãos, uso de álcool gel, evitar contatos físicos (aperto de mão, abraço, beijo no rosto ou na boca), tossir ou espirrar tapando o nariz e a boca com a parte interna do cotovelo, entre outras medidas.
O diretor técnico Renato Cassani lembra que a transmissão do COVID-19 ocorre de pessoa para pessoa pelas secreções respiratórias, como saliva, espirro, tosse, catarro.

Também pode ocorrer por contato pessoal direto ou contato com objetos ou superfícies contaminadas, seguidos de contato com a boca, nariz ou olhos.
“O uso da máscara de proteção é indicado para quem apresentar sintomas de febre e dificuldade respiratória, principalmente aquele suspeito de contaminação pelo novo coronavírus. Ao apresentarem algum problema respiratório, esses pacientes devem procurar o serviço de saúde. Daí se desencadeia a notificação, a coleta e o tratamento”, concluiu Cassani.

Veja mais em www.ibdah.com.br.

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Notícias

Deixe uma resposta

Leia também

RD – Droga Raia – Drogasil está com oportunidade(s) para CAGC – Atendente de Loja – v2122617

Descrição Você é apaixonado(a) pelo universo da saúde, beleza e bem-estar? Ama desafios e …