O colchão serve para diminuir o impacto na aterrisagem dos atletas após os saltos. Doação do velocista olímpico manauara foi recebida pela federação e será usada para o crescimento do esporte em Manaus

A Federação Desportiva de Atletismo do Estado Amazonas (FEDAEAM) recebeu, na tarde da última sexta-feira (14/08), a doação de um colchão de salto em altura do velocista olímpico Sandro Viana, implemento esse indispensável para treinamento e competições de atletas. O colchão deverá ser utilizado durante a prática de esportes como ginástica olímpica, escalada de paredões e salto com varas. Sua principal função é diminuir o impacto na aterrisagem dos atletas, a fim de que os mesmos não se lesionem durante a prática esportiva.

Para o velocista, este é um momento especial e satisfatório, onde ele pôde contribuir com o esporte local, entregando um colchão de salto em altura totalmente reformado à Vila Olímpica, colaborando assim, para o crescimento do esporte em Manaus, bem como para a vida profissional dos demais atletas da cidade.

“Espero que todos os atletas consigam superar seus limites e tenham força de vontade para realizar os objetivos e metas como eu consegui. Eu como medalhista olímpico, sinto que posso ajudar os novos atletas a alcançarem esses sonhos como eu realizei. Todos têm a capacidade de serem futuros campeões olímpicos e terão um grande futuro no esporte”, destacou Sandro Viana.

Com o intuito de ajudar os atletas de Manaus, Sandro trouxe do estado de São Paulo (SP), o colchão que seria descartado do ginásio do Ibirapuera. Tendo assim, a ideia de trazê-lo para a capital amazonense onde reformou e agora irá ajudar os atletas manauaras. O objeto pesa mais de 70 quilos, mesmo assim, o velocista não mediu esforços e trouxe o colchão daquele estado para a sede da Fedaeam, nas dependências da Vila Olímpica de Manaus.

Para Marleide Borges, presidente da Fedaeam, a doação foi importantíssima. “Esse colchão de salto em altura veio com muito esforço, porque o anterior já não servia para os atletas fazerem treinamentos e competições. E agora com a doação da capa feita pelo Sandro terá maior duração. E isso para o atleta é de suma importância”.

Depois de quase duas décadas de uma trajetória que lhe rendeu uma medalha olímpica, o velocista Sandro Ricardo Rodrigues Viana, conhecido internacionalmente como Sandro Viana, deixou as pistas de atletismo no dia 26 de março de 2019, quando se aposentou. O anúncio foi feito no local de maior expressão do olimpismo amazonense, o Museu do Esporte Olímpico, que está localizado nas dependências da Arena da Amazônia, no bairro Flores, zona centro-sul da cidade.

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Notícias

Deixe uma resposta

Leia também

Prefeito Geraldo Garcia realiza vistoria nas obras de pavimentação

Com início na última semana, as obras de pavimentação de 28 ruas da cidade seguem sendo re…