Visando garantir a segurança da população frente ao crescente número de casos de dengue no município, a Prefeitura de Salto, por meio da Secretaria da Saúde, iniciou um plano de ações na cidade com base nas recomendações feitas pelo Ministério da Saúde, para dar continuidade às vistorias realizadas nas residências para o controle do mosquito Aedes aegypti durante a circulação do novo coronavírus.

Neste plano de ações, os agentes de endemias, durante a pandemia, não irão realizar as vistorias em busca de focos do Aedes aegypti dentro das casas, limitando-se aos quintais e áreas comuns, além de terrenos quando possível.

Outras medidas que visam evitar o contágio da COVID-19 é manter a distância correta do morador (acima de 1,5m), não entrar nas casas onde moram pessoas com mais de 60 anos e cidadãos que estão com febre ou problema no sistema respiratório.

Para os moradores que por receio não autorizam a vistoria, a orientação é realizada do portão do munícipe.

Vale ressaltar que a população deve redobrar a atenção para a eliminação de criadouros dentro das casas neste período de quarentena, ficando atenta quanto à presença de pernilongos picando durante o dia, principal característica do mosquito Aedes aegypti, e indicativo de que há focos nas proximidades, geralmente na própria casa.

Compartilhe esta notícia:






Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Notícias

Deixe uma resposta

Leia também

Depois de mais de 220 dias fechado, Cine Plaza Itu reabre nesta sexta-feira

Salas serão reabertas após mais de 220 dias (Foto: Arquivo) Depois de mais de 220 dias fec…