As reuniões tiveram como objetivo a união de esforços para o enfrentamento do pós-pandemia

Com a proposta de unir esforços e traçar estratégias para enfrentar o pós-pandemia de Covid-19, o prefeito Guilherme Gazzola, secretários e diretores municipais se reuniram nesta semana com representantes de Sindicatos e de escritórios de Contabilidade. Durante os encontros, as autoridades municipais ressaltaram a necessidade de obter dados relativos às empresas e estabelecimentos atendidos tanto pelos Sindicatos quanto pelos escritórios de Contabilidade, para que juntos possam identificar a melhor maneira de superar a crise e elaborar planos de ação de retomada dos postos de trabalho e aquecimento da economia.

Guilherme Gazzola ressaltou que os participantes das reuniões realizadas nesta semana precisam colaborar com o Poder Público a identificar os maiores bolsões de necessidade e, assim, contribuir para que seja criado um plano que prepare a cidade de Itu para o pós-pandemia. Foram citadas as ações vigentes nos últimos meses, com caráter emergencial como distribuição de milhares de cestas básicas a famílias em vulnerabilidade social, disponibilização pelo Banco do Povo de aproximadamente R$ 570 mil a micro e pequenos empresários de Itu para o enfrentamento aos impactos financeiros devido ao desaquecimento do mercado nesse período.

O secretário municipal do Emprego, Olavo Volpato, destacou que todos os esforços estão centrados para que a pasta que está à frente seja um órgão para abrigar o cidadão desempregado. Ele salientou que, desde que foi nomeado secretário, tem recebido apoio incondicional da Secretaria Municipal de Planejamento, que fornece dados e materiais informativos que embasam o seu trabalho. Agradeceu ao secretário municipal de Planejamento, Plínio Bernardi Junior, e respectiva equipe por atuarem em conjunto neste momento.

Informou ainda que todas as ferramentas disponíveis para aplicação de recursos e fortalecimento da economia local estão sendo consideradas e avaliadas criteriosamente, sendo que a escolha das mesmas se dará com base nas necessidades apresentadas durante essas reuniões que devem ocorrer com periodicidade a ser definida entre os envolvidos.

Foi divulgado ainda o trabalho desenvolvido pela Secretaria Municipal de Promoção e Desenvolvimento Social, por meio do Centro de Capacitação Inclusiva (CCI), que no ano passado qualificou mais de 900 pessoas. De acordo com o secretário César Benedito Calixto, a Prefeitura se colocará como instrumento de requalificação e, portanto, os cursos que serão ministrados pelo CCI no futuro próximo também considerarão as necessidades impostas pela pandemia.

Os representantes dos Sindicatos e da Associação das Empresas de Contabilidade de Itu e Região também foram convidados a participar das reuniões da Comissão Municipal de Emprego, como mais uma oportunidade de busca de soluções para o pós-pandemia.

Estão previstas ainda a realização de reuniões com outras entidades envolvidas com o mercado de trabalho de Itu, além da retomada do Conselho Municipal do Trabalho, Emprego e Renda.

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Notícias

Deixe uma resposta

Leia também

Sebrae disponibiliza R$ 50 milhões para ajudar os micros e pequenos empreendedores do Estado de São Paulo

Como forma de auxiliar os micros e pequenos empreendedores no enfrentamento dos impactos f…