SpaceCast – Ouça esta matéria clicando abaixo:

Por Gabriel Codas

Investing.com – O índice futuro do Ibovespa tem um novo início positivo no começo da jornada desta sexta-feira, avançando 8,67% aos 71.115 pontos, com o dólar recuando 1,41% a R$ 5,0238 às 09h13, seguindo o bom humor nos mercados acionários europeus e em Wall Street com os índices futuros. O índice EWZ, que segue as principais ações brasileiras, chegou a ter uma alta de 10% na pré-abertura em Nova York, mas diminuiu os ganhos para 7,43%.

As medidas de estímulo pelos principais bancos centrais e ministérios das finanças do mundo começam a influenciar na avaliação do risco do investidor, diminuindo a aversão ao risco presente nos mercados há cerca de um mês. Mesmo assim, prossegue a cautela com o avanço do coronavírus, com mais medidas de restrição sendo adotadas nos EUA.

Cenário Interno

Mercado de Trabalho

O governo pretende pagar os primeiros 15 dias de afastamento do trabalhador que tenha coronavírus no lugar do empregador, mas o anúncio efetivo dessa medida será feito em “futuro muito próximo”, afirmou o secretário-Executivo do Ministério da Economia, Marcelo Guaranys.

Em coletiva de imprensa nesta quinta-feira, o secretário especial de Previdência e Trabalho, Bruno Bianco, afirmou que a cobertura desses gastos pelo governo será limitada ao teto do Regime Geral de Previdência Social, que está atualmente em 6.101,06 reais.

Estimativa do PIB

O Bank of America passou a estimar retração do PIB brasileiro em 2020, na sequência de outras instituições financeiras que também agora veem queda devido ao surto do coronavírus.

O BofA calcula que o PIB retrairá 0,5% em 2020, expressiva mudança ante o número anterior, que indicava crescimento de 1,5%.

Na América Latina, Venezuela (-20,0%), México (-4,5%) e Argentina (-3,0%) sofrerão os baques mais fortes. O Chile deve cair 0,7%, e a economia peruana ainda deve crescer 0,5%, segundo o banco.

“Chile, Peru e Brasil são os países mais sensíveis ao choque combinado China/commodities, mas ajustamos nossas previsões de crescimento de maneira geral”, disseram profissionais do banco em relatório.

Outras instituições financeiras já haviam cortado suas projeções para o PIB brasileiro nos últimos dias.

O JPMorgan espera recuo de 3,5% da economia no primeiro trimestre deste ano e um tombo de 10% no segundo trimestre, com a economia fechando o ano em contração de 1,0%. O Goldman Sachs baixou suas estimativas de expansão de 1,5% para declínio de 0,9% em 2020.

Cenário Externo

Europa

As ações europeias saltavam pela segunda sessão consecutiva nesta sexta-feira, com uma onda de estímulos fiscais e monetários atraindo os investidores de volta aos mercados acionários depois de dias de vendas em meio sinais de que o mundo está entrando em uma profunda recessão impulsionada pelo coronavírus.

A Comissão Europeia disse nesta sexta-feira que está estudando a flexibilização das regras da dívida para os estados membros e a emissão de títulos comuns da zona do euro, na tentativa de fortalecer empresas e famílias afetadas pelo colapso da atividade econômica.

Às 8:14 (horário de Brasília), o índice FTSEEurofirst 300 subia 3,63%, a 1.174 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 ganhava 3,67%, a 298 pontos, no caminho de apagar as perdas de toda a semana, mas ainda em seu pior mês em três décadas conforme a crescente disseminação do coronavírus força os países europeus a entrar em quarentena.

O setor financeiro subia 3,9% em relação a uma mínima de quase 30 anos, com Allianz (DE:ALVG), Prudential (LON:PRU), ING Group e Zurich Insurance Group subindo entre 8,5% e 12,0%.

China

A China manteve sua taxa de empréstimo referencial nesta sexta-feira, indo contra expectativas de uma redução com a economia abalada pela pandemia do coronavírus, embora autoridades provavelmente precisem afrouxar em breve as taxas de empréstimo para liberar fundos.

A taxa de empréstimo primária de um ano (LPR) CNYLPR1Y=CFXS foi mantida em 4,05%, enquanto a LPR de cinco anos CNYLPR5Y=CFXS permaneceu em 4,75%.

A ação inesperada ajudou a impulsionar o iuan contra o dólar, após forte liquidação nesta semana, uma vez que a diferença da taxa de juros entre China e Estados Unidos permaneceu ampla após o afrouxamento inesperado da política monetária pelo Federal Reserve no fim de semana passado.

A maioria dos operadores e analistas em pesquisa da Reuters esperava que a taxa, que é usada para precificar novos empréstimos, fosse reduzida dado o forte estímulo coordenado adotado por bancos centrais globais esta semana.

“A falta de qualquer corte este mês significa que a LPR ainda está apenas 10 pontos-base abaixo do que estava no fim do ano passado, após pequeno corte em fevereiro”, disse Julian Evans-Pritchard, economista sênior da Capital Economics.

BOLSAS INTERNACIONAIS

Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 1,04%, a 16.552 pontos. Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 5,05%, a 22.805 pontos. Em XANGAI, o índice SSEC ganhou 1,61%, a 2.745 pontos. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, avançou 1,79%, a 3.653 pontos.

A sexta-feira é positiva para os mercados europeus, com o DAX, de Frankfurt, soma 4,19% aos 8.917 pontos, com o FTSE avançando 2,06% aos 5.255 pontos. Já o CAC ganhou 5,34% aos 4.061 pontos.

COMMODITIES

A jornada desta sexta-feira foi marcada por uma nova leve valorização dos preços dos contratos futuros do minério de ferro, que são negociados na bolsa de mercadorias da cidade chinesa de Dalian. O ativo com o maior volume de operações, com data de vencimento para o mês de maio deste ano, somou 0,53% a 661,50 iuanes por tonelada, o que representa um ganho de 3,50 iuanes em relação aos 658,00 iuanes de liquidação da véspera.

Já em relação à cotação dos papéis futuros do vergalhão de aço, que são transacionados na bolsa de mercadorias da também chinesa cidade de Xangai, a sessão foi marcada por preços perto da estabilidade. O contrato de maior liquidez, com entrega para o mês de maio de 2020, avançou 22 iuanes para 3.483 iuanes por tonelada. Já o de outubro, segundo mais negociado, perdeu 20 iuanes para 3.359 iuanes por tonelada.

O barril do petróleo segue com importante valorização nesta sexta-feira. O Brent, de Londres, avança 3,44%, ou US$ 0,98, a US$ 29,45. Já o WTI, de Nova York, tem ganhos de 3,51%, ou US$ 0,91, a US$ 26,83.

MERCADO CORPORATIVO

BRF (SA:BRFS3)

A BRF, uma das maiores companhias de alimentos do Brasil, tem operado normalmente apesar das restrições impostas para a contenção do coronavírus no país, mas se prepara para realizar uma mudança nos canais de suprimento, com supermercados e mercearias demandando mais do que o segmento de “food service”, que atende consumidores que comem fora de casa.

“O que admitimos que pode haver é mudança de canal. Como as pessoas vão deixar de comer fora, você diminui suprimento para ‘food service’ e aumenta para supermercados e mercearias”, disse a fonte próxima da companhia, que pediu para não ser identificada.

“O que muda é mix do canal de venda”, acrescentou.

Após ser procurada, a empresa afirmou que “está atendendo ao mercado, que apresentou migração entre canais, no entanto sem expectativa de alterações relevantes na demanda agregada neste momento”.

“A BRF tem um compromisso com o atendimento da demanda da população por alimentos no Brasil e no mundo”, acrescentou.

Varejo

Varejistas brasileiras começaram a sentir o impacto da epidemia de coronavírus, conforme shopping centers fecham as portas e a população atende aos apelos de autoridades para ficar em casa, mas um segmento da indústria ainda pode se beneficiar da crise: o comércio eletrônico.

A Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm) informou nesta quinta-feira que deve em breve revisar a estimativa de faturamento em 2020, já que alguns sites têm registrado desde 12 de março alta de até 180% nas vendas, em especial de itens alimentares e farmacêuticos.

Antes do coronavírus, a ABComm previa alta de 18% da receita do comércio eletrônico do país em 2020, a 106 bilhões de reais.

Com o número de casos confirmados subindo para 621 ante 193 na quarta-feira, os brasileiros estão restringindo hábitos de consumo a mercadorias essenciais encontradas especialmente em farmácias e supermercados, os chamados setores “defensivos”.

Vale

A mineradora Vale informou nesta quinta-feira que pode continuar operando o terminal marítimo Teluk Rubiah, na Malásia, após avaliações sobre riscos de coronavírus, segundo comunicado da empresa.

Publicidade

“Com base em comunicações e em nossas discussões com autoridades e agências locais e nacionais, a Vale considera, a partir da atual situação, que pode continuar operando o TRMT”, disse a companhia, acrescentando que está em contato com o governo e trabalha em um plano de contingência para manter o terminal operando enquanto salvaguarda seus empregados e contratados.

Na véspera, a Vale informou que poderia interromper temporariamente operações de seu centro de distribuição na Malásia, em meio a medidas do governo local e damineradora devido à pandemia do novo coronavírus.

Uma interrução teria impacto de aproximadamente 800 mil toneladas nas vendas de minério de ferro do primeiro trimestre, segundo comunicado da quarta-feira.

Distribuidoras de energia

Empresas de distribuição de energia elétrica defenderam nesta quinta-feira, por meio de uma associação setorial, que não sejam tomadas medidas que levem à interrupção dos pagamentos de contas de luz devido à repercussão da pandemia de coronavírus no Brasil.

O posicionamento da Associação Brasileira de Distribuidores de Energia Elétrica (Abradee) vem após o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, ter defendido em entrevista publicada pelo jornal O Globo nesta quinta-feira que contas de água, luz, gás e telefone sejam suspensas por 60 dias por conta dos efeitos da epidemia sobre a renda da população.

Também nesta quinta-feira, o governo de São Paulo anunciou que a estatal de água e esgoto Sabesp (SA:SBSP3) vai suspender a cobrança da tarifa social de água para 506 mil famílias carentes no Estado.

“O fluxo de recebimentos das faturas de energia… não pode ser interrompido”, defendeu em nota a Abradee, que tem como associadas 41 distribuidoras, incluindo empresas controladas pela italiana Enel (MI:ENEI), pela Neoenergia (SA:NEOE3), do grupo espanhol Iberdrola (MC:IBE), e pela CPFL (SA:CPFE3), da chinesa State Grid, entre outras, incluindo estatais brasileiras.

Ford

A Ford vai temporariamente suspender a produção em suas fábricas no Brasil e na Argentina para miminizar o imapacto da pandemia de coronavírus, anunciou a montadora norte-americana nesta quinta-feira.

A produção nas 3 fábricas da empresa no Brasil será suspensa entre 23 de março e 12 de abril. Na unidade industrial na Argentina a interrupção ocorrerá entre 25 de março e 5 de abril.

– McDonald´s

A Arcos Dorados, maior franqueada independente do McDonald’s do mundo, vai atender no Brasil apenas via delivery, drive-thru e pedidos para viagem a partir de 23 de março, informou a companhia nesta quinta-feira.

A companhia opera mais de 1.000 lojas no Brasil e afirmou que tomou a decisão por conta da expansão da pandemia de coronavírus no país. O McDonald’s anunciou decisão semelhante nos Estados Unidos na segunda-feira.

Nesta quinta-feira, o número de mortos pela doença no Brasil subiu para 7, com 621 casos confirmados, um avanço de 193 em relação à véspera, segundo dados do Ministério da Saúde.

Lojas Renner 

A Lojas Renner anunciou nesta quinta-feira o fechamento, por tempo indeterminado, de todas suas lojas físicas de Brasil, Uruguai e Argentina, em shoppings ou em ruas, a partir de sexta-feira.

A medida também inclui as marcas Camicado, Youcom e Ashua.

As lojas online no Brasil continuarão funcionando, com número reduzido de colaboradores, apenas para prestar serviço, “sanando possíveis necessidades de consumo de nossos clientes”, afirmou a companhia.

O anúncio acontece um dia após a Lojas Renner ter anunciado a interrupção do funcionamento de suas lojas na Grande São Paulo.

Cyrela

A construtora e incorporadora Cyrela teve aumento do lucro no quarto trimestre, beneficiada pela fraca base de comparação anual, mesmo num período de menores vendas.

A companhia anunciou nesta quinta-feira que teve lucro líquido de 149 milhões de reais de outubro a dezembro, montante 28,5% superior ao de igual etapa de um ano antes. O número veio pouco acima dos 140,7 milhões de reais da previsão média de analistas consultados pela Refinitiv.

A receita líquida do trimestre, de 1,23 bilhão de reais, foi 7,4% menor no comparativo anual, refletindo o desempenho mais fraco em empreendimentos do programa de habitação popular Minha Casa Minha Vida, que não tinha contrato de crédito assinado e por isso não teve reconhecidos lançamentos no trimestre.

Gol

A companhia aérea Gol anunciou nesta quinta-feira corte de 35% nos salários de seus funcionários, com redução proporcional de jornada, em medida para enfrentar os impactos de queda da demanda causados pela pandemia de coronavírus.

A decisão também foi tomada pela Latam, informou uma fonte próxima do assunto à Reuters mais cedo, mas neste caso o corte será de 50%.

Segundo a Gol, que tem mais de 16 mil funcionários, os salários dos executivos – diretores, vice-presidentes e presidente-executivo – serão inicialmente cortados em 40% entre os meses de abril e junho. Não ficou imediatamente claro se o período de redução salarial dos executivos é o mesmo dos funcionários da companhia.

A companhia aérea brasileira também informou que vai adiar o pagamento do programa de participação nos lucros e resultados (PLR) de 2019 para a partir de agosto deste ano.

Klabin 

A produtora de papel e celulose Klabin afirmou nesta quinta-feira que suas atividades produtivas seguem normais e que não vê problemas de liquidez até agora devido aos desdobramentos da pandemia do coronavírus.

“Apesar de enfrentar grande volatilidade nos mercados financeiros, a Klabin conta com robusta situação de caixa, perfil da dívida alongado e Projeto Puma II 100% financiado. Portanto, não enxergamos nesse momento qualquer sinal de risco de liquidez na companhia”, afirmou a empresa em comunicado.

A empresa afirmou ainda que até agora não observou impactos significativos em suas operações e que as previsões de produção, vendas e expedição dos produtos seguem por ora inalteradas.

Bancos

O Banco Central determinou nesta quinta-feira que os bancos ajustem os horários de atendimento ao público nas agências de forma a assegurar a saúde da sociedade e garantir a prestação de serviços essenciais.

Em nota, o BC recomendou “fortemente” que os clientes bancários usem preferencialmente os canais digitais das instituições.

“Não sendo possível realizar suas transações por meio dos canais digitais, a sociedade poderá recorrer às agências bancárias para realizar transações essenciais, como saque de dinheiro, pagamento de contas ou transferência de recursos”, afirmou o BC, acrescendo que está trabalhando com os bancos em planos de contingência para garantir a prestação dos serviços.

AGENDA DE AUTORIDADES

Jair Bolsonaro

O presidente da República tem agenda somente na parte da manhã, com duas reuniões, com os ministros Abraham Weintraub (Educação) e Rogério Marinho (Desenvolvimento Regional).

Paulo Guedes

– Reunião com o deputado federal Marcos Pereira (Republicanos-SP), 1º vice-presidente da Câmara dos Deputados (call);

– Audiência com o CEO da ACCOR Rede de Hotéis, Patrick Mendes (call);

– Audiência com o presidente do Conselho de Administração do grupo COSAN (SA:CSAN3), Rubens Ometto (Call);

– Reunião com a presidente do IBGE, Susana Guerra (call);

– Audiência com o CEO Global da BRF, Lorival Luz (call);

– Audiência com o diretor-presidente da OI, Rodrigo Abreu (call).

*Com Reuters

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Notícias

Deixe uma resposta

Leia também

Evento gratuito vai ajudar a elaborar currículo profissional

No dia 4 de novembro, às 19h, no Auditório do Secom de Itu, será realizada uma palestra gr…