As fortes chuvas que atingiram Itu e toda a região na segunda-feira de madrugada castigaram todas as cidades que são cortadas pelo Rio Tietê, que com um volume de água muito acima do normal  invadiu e destruiu áreas próximas ao seu leito.

A cidade de Salto viveu cenas de filme, com a água do Tietê, ironicamente, destruindo o próprio Memorial em sua homenagem. Como diria Mário de Andrade, cuja poesia fazia parte do local: “Água noturna, noite líquida, afogando de apreensões..”

Antigo deck do Memorial do Tietê 

Memorial do Tietê 🙁Na Ilha dos Amores, que fica no meio do leito do rio, a força das águas levou os muros de proteção, mas o Monumento dos Enamorados permaneceu de pé

Em Itu, a Estrada do Pau d´alho, que é margeada pelo rio, também foi invadida. Após as águas baixarem, a cena que se vê abaixo é de muito lixo e lama.

Uma família moradora do Jardim Paraíso II divulgou fotos de como ficou a sua casa após a chuva invadir o local. O morador perdeu seu caminhão, com o qual trabalhava, e está realizando uma campanha para que possam ajudá-lo.

Um pedal solidário também será realizado neste domingo.

Em Cabreúva, a região do Bananal, também próxima ao Tietê, foi bastante atingida. Quem puder ajudar as famílias, pode entregar doações no Jacaré.

(Fotos: Rodrigo Hauser/ Prefeitura de Itu/ Divulgação Vídeo: Fernando Garcia)

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Região

Deixe uma resposta

Leia também

AgoraVale

Parceria com Instituto Ayrton Senna e Boeing destaca boas práticas para desenvolvimento so…