A nova sede do Centro de Referência de Assistência Social – CRAS Recriança foi inaugurada nesta quarta-feira (12/08) com as presenças do prefeito Guilherme Gazzola, da primeira-dama Patrícia Müller Gazzola, do presidente do Legislativo Ituano, Ricardo Giordani, dos vereadores Benedito Roque Moraes, Rodrigo Macruz, Thiago Gonçales, do secretário municipal de Promoção e Desenvolvimento Social, César Benedito Calixto, entre outras autoridades. O equipamento passa a funcionar em imóvel localizado na Rua Regina Maria de Oliveira, 844, Parque Nossa Senhora Candelária.

A mudança de endereço oferece uma melhor infraestrutura, ainda dentro do território georreferenciado pela Promoção Social no município de Itu, e também se justifica porque o espaço onde o referido CRAS estava instalado foi incorporado a uma escola municipal como parte da proposta de ampliação da mesma.

O equipamento funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, e tem como meta o atendimento de 1 mil famílias/ano. De acordo com os registros, em março de 2020, o CRAS Recriança contava aproximadamente com 3 mil cadastros ativos, sendo que os serviços de convivência atendem 6 crianças de zero a 6 anos, 79 crianças e adolescentes na faixa etária de 7 a 14 anos, 18 adolescentes de 15 a 17 anos, 40 adultos, 30 idosos e 6 pessoas com deficiência.

O CRAS é uma unidade pública da política de assistência social, de base municipal, integrante do Sistema Único de Assistência Social (SUAS). Está inserido em áreas com maiores índices de vulnerabilidade e risco social e destina-se à prestação de serviços e programas socioassistenciais às famílias e indivíduos e à articulação destes serviços no território de abrangência.

Algumas ações da proteção social básica devem ser desenvolvidas necessariamente nos CRAS como, por exemplo, o Programa de Atenção Integral às Famílias (PAIF), que tem como público alvo a população em situação de vulnerabilidade social decorrente da pobreza, privação ou ausência de renda, acesso precário ou nulo aos serviços públicos, com vínculos familiares, comunitários e de pertencimento fragilizados e vivenciam situações de discriminação etária, étnica, de gênero ou por deficiências, entre outros.

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Região

Deixe uma resposta

Leia também

Boletim Coronavírus Itu – 183

A Secretaria Municipal de Saúde informa que Itu conta com 4079 casos confirmados, 3833 cas…