Fiação elétrica foi furtada e a unidade ficou parcialmente sem energia
Pontos da fiação elétrica foram destruídos pelos vândalos. Crédito da foto: Divulgação

A escola municipal Professor José Osorio de Campos Maia e Almeida, no Jardim Bertanha, em Sorocaba, foi alvo de vandalismo pela 15º vez no ano. A ação ocorreu no último fim de semana.

Segundo a Secretaria de Educação (Sedu), os criminosos invadiram a unidade e vandalizaram pontos de instalação elétrica. Foram furtados fiações e disjuntores.

Nesta terça-feira (26), a escola segue parcialmente sem energia, mas as aulas estão acontecendo normalmente, conforme nota da Sedu.

A pasta informa, ainda, que a escola está entre as unidades contempladas pelo Orçamento Participativo. Por meio do projeto, será possível implantar sistema de videomonitoramento e alarme no local.

A Guarda Civil Municipal (GCM) divulgou, também, que efetuou mais de 138 patrulhamentos na unidade e vem intensificando as rondas. A corporação “pede a colaboração dos moradores em ligar no número 153 caso presencie algo suspeito”, acrescenta em nota.

215 ocorrências

De acordo com a GCM, a escola do Jardim Bertanha foi a mais invadida no ano em Sorocaba, com 15 ocorrências.

Em 2019, fo registrado um total de 215 ocorrências em unidades escolares, divididas em 73 ocorrências de danos; 131 relativas a furtos qualificados e 11 tentativas de furto.

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Região

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia também

Campanha McDia Feliz será neste sábado

Ação vai beneficiar 67 projetos de 56 instituições que atuam em prol do câncer infantojuve…